Sexta Geek | A Bela e a Adormecida, de Neil Gaiman e Chris Riddell


Uma jovem rainha está prestes a se casar, mas aqui o foco não é o príncipe e nem salvação.

Sinopse: Era o reino mais próximo ao da rainha, em linha reta, como voa o corvo, mas nem os corvos voavam até lá. Você pode achar que conhece esta história. Uma jovem rainha está prestes a se casar. Há anões bons, corajosos e valentes; um castelo envolto em espinhos; e uma princesa enfeitiçada por uma bruxa, segundo dizem os boatos, em um sono eterno. Mas aqui não há ninguém esperando que apareça um nobre príncipe em seu fiel cavalo. Este conto de fadas é tecido com um fio de magia negra, que vira e revira, brilha e reflete. Uma rainha pode acabar se revelando uma heroína, se uma princesa precisar ser salva.

AVISO: Esta resenha pode conter spoilers. Leia com cuidado.


Depois de um longo e tenebroso infern... INVERNO. Eu quis dizer inverno! Voltamos à Sexta Geek e eu não poderia voltar de uma maneira melhor do que com essa OBRA PRIMA do Neil Gaiman e do Chris Riddell.
Devo te dizer que alguns aspectos da história eu já sabia, mas outras não. A Bela e a Adormecida faz parte de uma coletânea que dava outros rumos à contos clássicos e apesar de ter lido a informação na parte de informações técnicas da obra, eu não me atentei ao detalhe de novos rumos. Simplesmente pensei que era um conto que uniria a Bela Adormecida e a Branca de Neve, mas até parece que sou uma leitora nova de Gaiman, gente. Talvez eu tenha passado muito tempo nos clichês de romance (românticos) e tenha perdido o tato com plot twists. Então imagine a minha cara de abismada com direito à queixo no chão com o rumo que esta história tomou! 
Esqueça amor, romancinho e felizes para sempre. Essa história brinca com o gótico e cruel lado dos contos com personagens bem conhecidos nossos. 
A Branca de Neve (fazendo cosplay de Mortícia, como você pode ver ao lado) só tem três anões à disposição, já superou o fato de ter caído na pegadinha da maçã e está prestes a se casar com o príncipe. Governar seu reino? Sim. Nada de rei em primeiro lugar aqui, meu amor.

Quando voltam de uma expedição para achar um presente para sua jovem rainha, os anões descobrem que há uma maldição que já acabou com e está ameaçando vários reinos: todos os seres vivos dos reinos amaldiçoados caíram em um sono profundo. Alguns estão há oitenta anos em sono, sonhando com nada na mesma posição de anos atrás, faça chuva, faça sol, com teias e teias de aranha como decorações.
Branca de Neve está há dias de seu casamento com o príncipe, mas parte em uma jornada com seus três confiáveis anões para esse reino nem tão distante para tentar acabar com a maldição. Em dias, eles conseguem por outros reinos e ver o silêncio tenebroso dos sonos de seus habitantes, que parecem congelados no tempo.

Quando eu deixei o aviso de spoiler lá em cima no post foi exatamente por esse spread aqui. Eu mesma já havia visto antes de pegar a Graphic Novel para mim, mas o que segue daí na história é que é o inesperado e Neil brinca com o leitor.
Já sabemos que a Branca conseguiu acordar por um beijo, então porque ela não conseguiria acordar uma outra princesa com a maldição? Será se só amor verdadeiro acordaria alguém ou a boa intenção de salvar essa donzela adormecida, seus súditos e tantos reinos também teria efeito? 
A brincadeira com o imaginário do leitor consegue quebrar expectativas e gerar novas tão excitantes quanto.
O que é bondade? O que é maldade? Nem tudo é preto e branco.
Expectativas: você tem, mas outros têm de cumpri-las?
Destino é algo tão inquebrável assim?
A única certeza ao final dessa obra é que a jornada pode valer tudo ou nada, dependendo de quem você tem ao lado.


A Bela e a Adormecida
Autor: Neil Gaiman
Ilustrações: Chris Riddell
Tradução: Renata Petengill
Editora: Rocco
Selo: Rocco Jovens Leitores
Lançamento: 2015
Páginas: 72
Compre na Amazon em ebook ou físico
Renata Pamplona
PUBLICADO POR

"Lendo e resenhando muita coisa da cultura pop. Inevitavelmente Geek e apaixonada por mais personagens fictícios que pode contar."

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As