Vi na Netflix | Mindhunter



Sinopse: Mindhunter (conhecido como Caçador de Mentes) é uma série de televisão norte-americana de drama policial criada por Joe Penhall, e baseada no livro Mindhunter: Inside the FBI’s Elite Serial Crime Unit escrito por John E. Douglas e Mark Olshaker. A série é produzida por David Fincher e Charlize Theron entre outros, e estreou na Netflix em 13 de outubro de 2017. Mindhunter foi renovada para uma segunda temporada em abril de 2017, seis meses antes da estreia da primeira.
A série se passa em 1977 e gira em torno de dois agentes do FBI, interpretados por Jonathan Groff e Holt McCallany, que entrevistam assassinos em série presos para tentar resolver casos em andamento.
Os agentes do FBI Holden Ford (Jonathan Groff) e Bill Tench (Holt McCallany), que entrevistaram assassinos em série presos, com o intuito de entender como esses criminosos pensam e aplicam esse conhecimento para resolver os casos em curso.
É uma série incrível e ao mesmo tempo inquietante. Temos dois agentes do FBI que trabalham com criminosos perigosos, mas tudo faz parte dos estudos deles para resolver casos, no qual eles precisam entender a mente de um criminoso. Nós começamos a entrar em lugar sombrio, a mente de um serial killer é obscura, não há luz. 
A Netflix lançou a série se tornou uma das séries mais vistas da plataforma. Se você quer saber sobre serial killer a série Mindhunter é essencial. 

Vou falar das duas temporadas, ao todo são duas, mas já quero a terceira temporada.

Vamos embarcar em um território perigoso, vamos entrar na mente de um serial killer.

Os dois agentes Holden Ford e Bill Tench é uma dupla incrível, Holden é quieto, gosta das coisas certinhas e Bill é engraçado, sempre está buscando a veracidade nos casos, ele é paciente também, mas quando os dois estão juntos, ninguém os segura. Quando Holden fala pela primeira vez sobre seu estudo sobre entrevistar assassinos em séries, pois ele quer entender como eles pensam e de que forma pode ajudar a resolver os outros casos, no início o departamento do FBI acha algo perigoso e até mesmo uma loucura, mas com uma boa conversa Holden consegue uma resposta positiva. 

O chefe do departamento diz ao Holden que ele irá trabalhar no subsolo, junto com Bill e com a nossa querida Dra. Wendy Carr, ela é uma psicóloga, juntos irão desenvolver entrevistas que irão mexer com suas mentes, é interessante ressaltar que ambos os personagens são afetados na sua vida profissional e pessoal.

As primeiras entrevistas são tensas, Bill e Holden ficam cara a cara com assassinos que cometeram crimes bárbaros. Vou contar um das entrevistas mais tensa e todos os casos que estão na série são verídicos. Vocês já ouviram falar do Ed Kemper? Mas conhecido como o assassino de colegiais, ele dava carona para garotas e depois as matava, não irei contar o que ele fazia depois (assistem a série,risos) quando vi o episódio sobre o Kemper fiquei assustada, pois o ator que interpretou o serial killer era igual ao verdadeiro assassino.

     
                                          Ed Kemper, o assassino de colegiais.


Holden tem uma forma de entrevistar, ele é mais organizado, usa seus questionários e durante alguns episódios ele começa usar o gravador para gravar as entrevistas, Bill é mais direto, faz algumas perguntas relacionado ao cotidiano deles, sem mencionar os crimes, quando Bill percebe que eles estão “mais à vontade” com a entrevista, ele pergunta algumas coisas sobre seus passados obscuros.

A Dra. Wendy Carr, uma das melhores personagens. Ela trabalha em um local que “praticamente é para homens”, mas com sua inteligência e determinação, ela mostra como aquele ambiente pode ser mudado a partir de seus conhecimentos e estudos, ela é uma psicóloga respeitada, sua forma de abordar conceitos sobre as entrevistas dos assassinos em série leva para um nível mais alto, durante alguns episódios da série vimos pouco a nossa querida Dra. Wendy Carr, mas na segunda temporada, preparem-se, ela veio com tudo.

A primeira temporada é maravilhosa, conhecemos alguns assassinos, começamos a entender os estudos do Holden,Bill e da Dra. Wendy Carr, cada um estuda individualmente, mas quando um deles encontram algo, pode se preparar porque o show vai começar. Gostei muito da primeira temporada, gosto de assistir séries, filmes e documentários que abordam assunto sobre serial killers. Tem muitas surpresas e revelações também.


Holden Ford, Dra. Wendy Carr e Bill Tench. Ninguém segura esse trio!


Vamos falar da segunda temporada?! Que temporada foi essa gente!!!

Muitas coisas aconteceram na primeira temporada, principalmente o último episódio que está relacionado com a segunda temporada que é uma continuação, novos casos de assassinos para ser entrevistados, as vidas profissionais e pessoais do nosso querido trio está um pouco complicada e tem um novo integrante no departamento do FBI, esse personagem é importante. Então, vamos lá!

A segunda temporada ela se aprofunda mais na vida pessoal dos personagens, inclusive Holden Ford, Dra. Wendy Carr e Bill Tench. Conhecemos a família do Bill, no qual ela aparece durante a primeira temporada em alguns episódios, a família dele nessa segunda temporada vai passar por um momento muito difícil, o Bill pode aparecer um cara engraçado e divertido, mas ele é durão, dificilmente fala sobre seus sentimentos, e quem ajuda ele nesse momento tão delicado de sua vida é Dra. Wendy Carr, ela uma boa amiga. E falando da nossa psicóloga, sua vida pessoal dá uma reviravolta, ela conhece uma pessoa, isso muda um pouco sua rotina. A Wendy está mais presente durante esses episódios, tem algumas surpresas que acontecem ( não posso dizer, será spoilers). E nosso querido Holden passou por um momento complicado na primeira temporada, no qual na segunda vimos uma pessoa diferente, mas com medo de uma coisa do passado, ele volta com toda força para seu trabalho. 

Essa temporada é forte, angustiante e impressionante. Os casos dos assassinos estão de volta, a dupla Holden e Bill voltam a entrevistar os criminosos, Dra. Wendy Carr está na sua sala estudando as entrevistas junto com seu outro colega de trabalho, no qual ele participou de alguns episódios da primeira temporada e nesta segunda, ele desenvolve um papel importante. Dra. Wendy Carr e seu parceiro de trabalho irão trabalhar algo diferente. O que eles irão aprontar? ( Assistam a série e irão descobrir)

Um dos temas abordados nessa segunda temporada é o Racismo, tem um caso muito importante que está relacionado com a cidade, no qual crianças negras estão desaparecidas, Holden e Bill estão ajudando no caso,tudo se tornou complicado, Bill está com problema familiar e Holden está fazendo de tudo para ajudar as mães das crianças desaparecidas, mas parece que falta um peça no quebra cabeça. O caso das crianças desaparecidas se tornou um mero circo, a pessoa que deveria dar importância ao caso está preocupado com a candidatura. Os episódios se tornaram reflexivos, diante da ignorância e da grandeza do ser humano é deixado de lado a humildade.

                                                                   Até a próxima!

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As