Pausa Viu | Capitã Marvel (2019) SEM SPOILERS


O primeiro filme protagonizado por uma mulher chegou ao MCU e...

Sinopse: Carol Denvers se torna uma das heroínas mais poderosas do universo quando a Terra fica em uma guerra galática entre duas raças alienígenas.



Então... O hype era real para esse filme, o primeiro a ser protagonizado por uma mulher no MCU, e eu estava muito ansiosa, e graças à Deusa, eu não me decepcionei! Levou 10 anos? Levou, mas finalmente consegui me ver representada em uma heroína nas telonas.


Começamos o filme vendo a Vers, sob comando de Yon-Rogg, está no planeta de Hala. E vamos o que vimos muito nos trailers: Ela não sabe muito sobre si, está com algum problema de memória e uma parte da sua vida está faltando. O trabalho e treinamento no exército kree é, basicamente, o que ela tem.
Mais um dia, mais um Doug mais uma missão, Vers e sua equipe vão resgatar um informante que está sendo perseguido pelos Skrulls, uma outra raça que está em guerra há anos com os Kree.


Chegando no lugar para a missão, Vers é presa em uma emboscada e colocada em um equipamento que permite que vejam e manipulem suas memórias e daí vemos mais um pouco do passado da personagem. Ao fugir da nave onde está sendo mantida, ela vai parar na Terra (ou C-53) e chega aqui em algum momento depois de 1995. A Capitã não vê problema em cair de cabeça em uma Blockbuster, deixar uns humanos de boca aberta e dar uma de MacGyver e ligar para casa. Bem... não casa, mas conseguir conexão com Yon e sua equipe (Você quer conectividade, @ E.T.?)


Nick Fury é o designado pela SHIELD a investigar sobre essa jovem com roupa de borracha que caiu do céu. Eles se juntam como uma dupla improvável para procurar mais Skrulls disfarçados que estejam caçando Lawson, ex-comandante de Vers na Terra. E entre humanos / alienígenas, temos algo bem importante para a personagem nas telonas: esqueça a origem da Capitã nos quadrinhos. Muitas coisas foram mudadas para a adaptação. 
Daí para frente, não posso dar spoilers... eu te aviso que tem plot twist digno de Star Trek (Vilões X Heróis) e tem personagens que já foram vistos no MCU e voltam para um fan service gostoso.


Eu poderia falar para vocês que gostei das cenas de ação (gostei), das dezenas de referências aos dez anos do MCU, das caracterizações dos novos personagens, mas eu vou falar algo bem particular: da própria Capitã e sua personalidade. Eu AMEI o filme justamente porque a personagem não é perfeitinha, formosa e do lar, mas justamente é uma mulher de seus quase trinta, que teve uma infância sendo menosprezada por ser mulher, que batalhou muito por sua carreira, que ama o que faz, ama seus amigos, tem seus defeitos e não sai distribuindo risinho morno à toa só para dar close. Quer doçura e close na bunda? Seu filme é outro. Esse filme não é para você, que quer sexualizar mais uma heroína. Quer romance? Esse filme não é para você. A não ser que você queira ver uma história de amor próprio.


A única coisinha fofa que você vai ver são os momentos Goose e Fury. Bem... até certo ponto. É um gato ou um demônio de Satanás? Fica a dúvida.
Nem tudo são flores, e se fosse, eu tenho alergias... Admito que algumas cenas do Fury, como essa acima, foram meio difíceis porque o rejuvenescimento via efeitos especiais não ficou tão convincente assim. Vale mencionar o mesmo para um jovem Coulson, mencionado como "novato" pelo Fury ao chegarem no local de "queda" de Vers. 
Apesar de ser um filme solo, não acho que é um filme que possa ser visto sem ter visto exatamente os outros filmes do MCU, como algumas pessoas fizeram com Pantera Negra. Não diga que não avisei.
Senti falta de mais cenas de ação, mas pela construção da personagem, até entendo.


Deixo também o destaque aos anos 90. Saudades, adolescência.
Conexão discada, digitando só com o indicador, a trilha sonora e marcas que nem existem mais estão lá, de referência. O Capitão deve ter adorado esse filme.
Carol, conte comigo para tudo!

OBS.: Há duas cenas pós-crédito, mas admito para vocês que só a primeira vale. A segunda só vale se você for catlover.



Capitã Marvel
Direção: Anna Boden e Ryan Fleck
Elenco: Brie Larson, Samuel L. Jackson, Ben Mendelsohn, Jude Law, Annette Bening, Lashana Lynch, Clark Gregg, Gemma Chan, Djimon Hounsou, Lee Pace, Akira AkbarMckenna Grace, London Fuller, Stan Lee
Lançamento: 2019
Distribuição: Disney
Renata Pamplona
PUBLICADO POR

"Lendo e resenhando muita coisa da cultura pop. Inevitavelmente Geek e apaixonada por mais personagens fictícios que pode contar."

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As