[Resenha] Antologia "As crônicas de Marte"


O sonho de conquistar o planeta vermelho pela perspectiva de vários autores... ou seriam "exploradores"?

Sinopse: Antes mesmo do programa Mariner e da corrida espacial, a imaginação já povoava nosso sistema solar com seres estranhos e civilizações ancestrais, nem sempre dispostos a fazer contato amigável com a Terra. E, de todos os planetas que orbitavam o nosso Sol, nenhum tinha uma aura de maior romantismo, mistério e aventura do que Marte. 
Com contos escolhidos e editados por George R. R. Martin e Gardner Dozois, As crônicas de Marte retoma esse sentimento ao celebrar a Era de Ouro da ficção científica, um período recheado de histórias sobre colonizações interplanetárias e conflitos antigos.
Para essa missão, autores consagrados como Michael Moorcock, Mike Resnick, Joe R. Lansdale, S. M. Stirling, Mary Rosenblum, Ian McDonald, Liz Williams e James S. A. Corey foram convidados a revisitar o misterioso planeta vermelho, aqui representado como um destino exótico e desértico, com cidades em ruínas, civilizações impressionantes... e, é lógico, perigos inimagináveis.
Enfim, o bom e velho Marte está de volta.


Meu único problema com esse livro, assim como tantos outros com introdução ou um pedacinho de colaboração do George é o nome dele enorme (nós temos uma briguinha por causa dos livros de Game of Thrones) e destacado em tudo quanto é canto se referindo a esse livro, que é incrível! Sabe por que? Porque o George some diante de tanta coisa legal que você vai ler em As Crônicas de Marte. Ela é uma antologia com quinze contos originais de autores fodas! Alguns que eu nunca havia lido nada do trabalho e adorei!

Eu quero que eles façam você inteiro também. (...) Quero que você veja. Nós não estamos sozinhos aqui. (...) Apenas não vemos. (Bancos de Areia)


O mito e curiosidade sobre o planeta vermelho vem de anos, séculos... e a carta branca que os autores receberam para imaginar vida lá levou a contos variados. Tem invasão humana em Marte, achados arqueológicos por lá, um navio que navega até o planeta, sequestros, vida em Marte pré-invasão humana (Marcianos existiram?), romance e, sim, guerra no planeta que está tão perto e tão longe. 
E, enquanto Marte dormia, o rei antigo, o terráqueo e o venusiano se sentaram para uma longa noite de difíceis negociações. (Nas Tumbas dos Reis Marcianos)
A imaginação não teve limite. Tem passado, "presente" e futuro imaginados e apesar de serem contos, lembrem-se que são quinze. A minha dica é quando você começar a ler um, não pare. Leia de um a um, absorva tudo que os autores tentaram passar. 
Se eu tive favoritos? Sim. Liz Williams, Mike Resnick, Howard Waldrop e S. M. Stirling, quero ler mais de vocês!

Aviso à editora: Obrigada pela edição linda brasileira. Meu beijão para quem optou pela nova capa porque a gringa é sofrível!



As crônicas de Marte
Autores: George R. R. Martin, James S. A. Corey, Phyllis Eisenstein, Matthew Hughes, Joe R. Lansdale, David D. Levine, Ian McDonald, Michael Moorcock, Mike Resnick, Chris Roberson, Mary Rosenblum, Melinda Snodgrass, Allen M. Steele, S. M. Stirling, Howard Waldrop, Liz Williams
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 496
Compre na Amazon
Renata Pamplona
PUBLICADO POR

"Lendo e resenhando muita coisa da cultura pop. Inevitavelmente Geek e apaixonada por mais personagens fictícios que pode contar."

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As