[Resenha]: MUNIQUE- ROBERT HARRIS


Sinopse: Setembro de 1938, Hitler está desesperado para começar a guerra. Chamberlain quer manter a paz a qualquer custo. O desfecho da disputa acontecerá em Munique, em um dos momentos decisivos que antecederam a Segunda Guerra Mundial.Robert Harris compõe mais um thriller impressionante, cheio de fatos e personagens históricos, que transporta o leitor para um dos momentos mais importantes da história mundial. Hugh Legat é uma estrela em ascensão no serviço diplomático britânico, servindo como secretário do primeiro-ministro, Neville Chamberlain. Paul von Hartmann é membro do time de relações exteriores da Alemanha, mas secretamente pertence a um grupo anti-Hitler. Os dois foram amigos em Oxford durante a década de 1920, mas perderam o contato com o tempo. Agora, enquanto Hugh viaja com Chamberlain de Londres para Munique e Paul acompanha Hitler em sua viagem noturna de Berlim, o caminho dos dois amigos está fadado a uma colisão desastrosa.

A editora Companhia das Letras nos apresenta, através de seu selo Alfaguara, o livro Munique, escrito pelo autor Robert Harris. Robert Harris é um romancista inglês, ex-jornalista da BBC, com diversos livros publicados, sendo o seu trabalho mais recente o livro Munique. O livro é um clássico thriller de espionagem imerso em um dos momentos mais importantes da história: o Tratado de Munique.

Narrado em terceira pessoa, acompanhamos o relato de dois personagens intrigantes: Paul von Hartmann, membro do time de relações exteriores alemão, e Hugh Legat, membro do serviço diplomático britânico. O contexto é o período antecedente a Segunda Guerra Mundial, onde os ânimos de todos estão à flor da pele com a eminente possibilidade de uma possível Guerra. A Alemanha, de Hitler, deseja abdicar territórios pertencentes a Tchecoslováquia, enquanto que a Inglaterra, de Chamberlain, almeja mediar um acordo para evitar um desastre.


Hugh Legat é um homem comum que deseja alcançar os altos escalões do serviço público. Casado e com dois filhos, vive uma vida infeliz em seu casamento, mas com o advento da guerra, surge uma grande possibilidade de se promover, trabalhando diretamente com o primeiro ministro britânico Chamberlain. 

Paul Von Hartmann é um solteirão e um patriota alemão. Diferente do que a maioria dos alemães, Hartmann não é adepto a doutrina de Hitler e deseja, junto a outros membros do governo, derroca-lo do poder. Ambos os personagens possuem um passado, que as pessoas desconhecem, e isso pode, ou não, ser responsável por mudar os rumos da história. 

O livro nos traz um relato histórico, narrado pelo autor, de forma a semear o interesse, no leitor, sobre o Tratado de Munique, que ocorreu de fato (depois é só pesquisar um pouco mais na internet). O tratado de Munique fora uma tentativa de apaziguar os ânimos da Alemanha de Hittler, cedendo territórios da Tchecoslováquia, ocupados por muitos alemães, a mesma, e o tratado foi assinado entre os representantes da Alemanha, Itália, Inglaterra e França.


É um livro que você passa horas e horas lendo e não ver o tempo passar (mas tenho que confessar que essa é um dos tipos de livros que mais me atraem). Todo o cenário e acontecimentos são bem descritos e você se imagina assistindo a um filme, inclusive recomendo para quem gostou do filme Operação Valquíria (com o Tom Cruise). 

Adorei também a forma como o autor trabalhou com os idiomas no livro, com algumas conversas em alemão e francês (nessas horas treinava meus conhecimentos) , mas todas são bem interpretadas posteriormente ao leitor. Entretanto, devo de confessar que o final me decepcionou, mas também não há como de fato o autor mudar a história. Portanto fica ai uma boa dica de livro de espionagem pré-Segunda Guerra Mundial.

MUNIQUE
Autor(a): ROBERT HARRIS
Editora: CIA das Letras
Ano: 2018
Livro físico: 300 páginas
Compre na Amazon
ROBERT HARRIS
Robert é autor de mais de doze best-sellers, além de ser vencedor de diversos prêmios, incluindo o Prêmio Walter Scott de Ficção Histórica. Seus livros já foram traduzidos para mais de 35 idiomas, e ele é membro da Royal Society of Literature. Atualmente, vive na Inglaterra com a esposa, Gill Hornby.
João Sertório
PUBLICADO POR

Sou meio louco, gosto de tudo um pouco e amo aprender coisas novas todo dia. Sou Nerd ,Geek, Otaku, Dorameiro, BookaHolic , Poliglota e ainda arranjo tempo para praticar meus esportes favoritos.

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As