[Resenha]: Em pedaços - Lauren Layne


Um romance que muitas vezes, vai deixar seu coração em pedaços.



Sinopse: Nessa recontagem moderna de a Bela e a Fera, Lauren Layne nos traz uma história irresistível de perdão, cura e, acima de tudo, amor. Aos 22 anos, Olivia Middleton tem Nova York aos seus pés. Por fora, ela é a garota perfeita — linda, inteligente e caridosa, mas por dentro ela guarda um segredo terrível: um erro que a afastou das duas únicas pessoas que realmente importavam na sua vida. Determinada a esquecer o passado, ela deixa Manhattan e vai trabalhar como cuidadora de um soldado recém-chegado da guerra. Mas o que ela não esperava era que seu paciente fosse um jovem enigmático de 24 anos tão amargurado quanto cativante. Paul Landon está furioso — com o mundo, com a vida, com o seu pai e, acima de tudo, consigo mesmo. Depois de sofrer na pele os horrores da guerra do Afeganistão, a última coisa que ele quer é a companhia de uma princesa novaiorquina linda, mimada e irritante. A presença de Olivia parece tóxica para Paul, mas ele não consegue afastá-la, mesmo tentando muito. Por mais que lutem contra uma atração intoxicante, Paul e Olivia não conseguem se manter distantes. Agora, precisam decidir: eles vão ajudar um ao outro a curar as feridas do passado ou vão se manter, para sempre, em pedaços? 
Olá! Aqui estou eu de novo para falar de um bom e velho drama (Adoro!). "Em pedaços" me pegou desprevenida, sem esperar muito e com um certo pé a trás com a autora desde a minha leitura de "Mais que amigos", confesso que não foi muito boa. Lauren usa a formula clichê da releitura de "A bela e a fera" e te entrega um romance com uma boa carga dramática e personagens cativantes.

Olivia é a típica jovem rica que mora em Nova York, e você já leu sobre elas em muuuuuitos outros livros. Ela é basicamente uma capa, por fora linda, bem sucedida e sem "preocupações", por dentro é uma jovem consumida pela culpa,uma decisão errada fez com que ela resolvesse largar tudo e "punir" indo cuidar de um ex-soldado ferido pela guerra.
Estava com tanta pressa de escapar do mundo que nem parei para pensar que muitas vezes a fuga anda de mãos dadas com a solidão.

O que ela não contava era que o ex-soldado fosse um jovem que despertasse nela desejos que ela nunca avia sentido.

Paul é um jovem de 24 anos que para fugir das obrigações de assumir o império da família, logo que saiu do ensino médio se alistou no exercito. Durante a guerra ele viu seus amigos morrendo e passou pelos piores traumas que você pode pensar.

Há dois anos ele voltou para casa, com metade do corpo desfigurado e problemas para se locomover. Ele se isolou de todos inclusive do seu pai que tenta mesmo a distância dar uma vida digna ao filho.

Ele é o terror de qualquer cuidador, nunca ninguém passou mais do que duas semanas com ele. Com toda essa situação, o pai dele deu um ultimato, se ele não conseguisse ficar trê meses com o mesmo cuidador ele ia colocar ele na rua, sem um tostão sequer.


A relação dos dois é um verdadeiro gato e rato. Eles se implicam, se irritam e se dão bem na mesma proporção! Algumas vezes você se pega rindo das maluquices deles e em outras querendo chamar o Paul de no mínimo babaca.

Algumas reações da Olivia me incomodaram: ela se subjugava muito com algumas coisas que ele fazia para com ela, que cheguei a me perguntar se a autora não estava indo por um caminho errado na narrativa. 

Só que isso fazia parte de como ela se punia pela culpa que ela sentia a sua atitude do passado. Muitas vezes o próprio Paul se questionava essas atitudes, ela sabia que o que avia dito ou feito era idiota e babaca, e ela não deveria baixar a cabeça, porém mesmo assim ela acabava perdoando. Esses questionamentos na parte dele sempre foram recorrentes.
Por um segundo, no entanto, eu gostaria que ela perguntasse. Gostaria que alguém perguntasse o que aconteceu. Como estou. Algo além do enfadonho "precisa de alguma coisa?". É claro que eu preciso. Preciso de alguém que se importe.
A narrativa da Lauren é bem fluida nesse livro, você consegue ler em uma sentada! Com a narrativa em primeira pessoa, ela intercala os capítulos entre os ponto de vistas da Olivia e do Paul, deixando bem claro os pensamentos e rais motivos das atitudes de ambos. 
Sabe aquele momento na relação em que tudo vai muito, muito bem mesmo, e você começa a pensar que nada pode dar errado, o que é um perigo, porque meio que garante que algo vai dar super errado, em pouquíssimo tempo? Pois é…
"Em pedaços" é um livro sobre recomeços e segundas chances. Uma leitura que vai te levar a altos e baixos por diversas vezes na história, porém vai te prender do começo ao fim. Uma super leitura para gostou de "Beleza Perdida".

Em pedaços
Autor(a): Lauren Layne
Editora: Paralela
Ano: 2018
Livro físico:176 páginas
Compre na Amazon
Lauren Layne
Autora best-seller na lista do New York Times, LAUREN LAYNE adora escrever comédias românticas. Ela mora em Nova York com o marido..
Carol Lima
PUBLICADO POR

Adoro um bom drama, e costumo dizer que se eu não chorar em alguma parte do livro não valeu a pena. Costumo ler de tudo um pouco, porém tenho um fraco por romance.

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As