[Resenha]: Amor & Ódio Irresistíveis - Christina Lauren


Um verdadeiro tratado feminista, muito bem humorado!


Sinopse: Vale tudo no trabalho e no amor? O novo romance da autora best-seller do The New York Times, Christina Lauren, é uma comédia romântica e sexy que mergulha fundo no dilema do amor moderno. Carter e Evie imediatamente se conectam e a tensão sexual é inegável, embora o surgimento de um romance seja pouco provável em razão de um encontro embaraçoso em uma festa de Halloween. Além disso, mesmo o fato de que ambos são agentes de talentos de firmas concorrentes em Hollywood não é suficiente para apagar o fogo. Mas, quando as duas agências se fundem – fazendo com que a dupla concorra ao mesmo cargo –, tudo se torna imprevisível. O que poderia ter sido o desabrochar de um belo romance se transforma em guerra declarada de sabotagem mútua. Carter e Evie são profissionais de trinta e poucos anos – então por que não podem agir como tal? Será que Carter vai parar de tentar agradar a todo mundo e ver como o chefe de ambos está fazendo o jogo? Será que Evie pode deixar de lado sua natureza competitiva por tempo suficiente a fim de descobrir o que realmente quer na vida? Será que seus clientes, os atores, podem ser mais humanos? Quer a relação de amor e ódio desses dois pombinhos de Hollywood termine num final de cinema, ou apenas numa comédia dramática de proporções épicas, você vai desfrutar do estilo de romance sincero, ofegante e hilário.
Ok! Eu sei se pudesse, só tinha livro das meninas aqui. Fazer o que? Só tem livro maravilhoso! Em "Amor & Ódio", eu confesso que tive um certo pré-conceito antes de começar a ler. Tinha lido muitas coisas sobre esse livro, e uma delas era sobre como elas estavam mais sérias do que o normal.

Posso dizer que fui muito tombada! Essa definitivamente foi uma pegada bemmmm diferente, onde o plot principal do livro não vai ser o romance! Mas claro que vai ter romance na história! Se não, não seria Christina Lauren, porém esse não é o foco. E sim como a mulher é descriminada e subjugada no ambiente de trabalho.

Evie tem 33 anos, solteira e uma das melhores agentes de Hollywood! Já tem um bom tempo que não se relaciona com ninguém, meio que está "casada" com o trabalho, mas isso nunca foi um problema. Ela acaba aceitando um convite e vai para uma festa de Halloween promovida por uns amigos, se depara com a festa dominada por casais. Se sente um pouco constrangia com a situação e meio que se isola perto da mesa de bebidas.

Acaba conhecendo Carter, que também está solteiro e se sentindo constrangido com a situação. Papo vai, papo vem eles descobrem que meio que foi armado para eles se conhecerem e levam a situação a esportiva. Só que se dão bem de cara! A química é ótima e porque não um envolvimento casual?

Ele é mais novo que Evie 5 anos e trabalharem no mesmo ramo, só que em empresas rivais, deixando ela com um pouco de receio sobre essa relação. Dando o braço a torcer acaba aceitando sair com ele e ver no que vai dar. O envolvimento é claro, eles super combinam, é como se um completasse o outro em várias coisas. Ela meio que não acredita que finalmente encontrou a pessoa certa.
Eu nunca tinha sentido essa sintonia antes, mas definitivamente tive isso com Carter. Meu sangue ferve só de estar perto dele, e não consigo parar de sorrir.
Mas calma! Eu te disse que esse livro não tinha o foco sobre romance, então vamos lá! 

Do nada, Evie e Carter descobrem que as empresas que respectivamente eles trabalham se fundiram, e muita gente foi para rua, principalmente de onde ele trabalhava. Só que felizmente eles continuam, só que o chefe dela (alerta de embuste) deixa bem claro que só um deles pode continuar, porque a empresa não tem condição de bancar os dois. Deixando implícito que vai avaliar muito bem a capacidade da Evie de continuar no cargo, que ele sempre achou questionável a pesar de ser a agente mais rentável, pelo simples fato de ser mulher.
- O salário de vocês é semelhante, é por isso que vocês dois estão aqui, e não sei se a P&D terá condições de renovar ambos os contratos. Pelo menos não aqui em L.A.
Bem que eles tentam trabalhar em equipe e mostrar que ambos são indispensáveis para a empresa, só que não vai dar certo. Eles vão protagonizar uma das melhores guerrinhas que já li em qualquer livro, tentando sabotar um ou outro de qualquer forma. Foi hilário de acompanhar.

A forma com as autoras desconstroem os personagens, principalmente o Carter de pensamentos machistas que já estão enraizados na cabeça dele desde sempre, é muito bacana. Mostrando principalmente que se omitir, quanto a um comentário feito sobre uma mulher não é legal, principalmente usando a justificativa de que "ela sabe se defender sozinha". 

Pra quem está acostumado a acompanhar as menias, talvez tenha sido um livro difícil de começar, mas pra mim é um dos livros com mais carga de pesquisa, sobre tudo, cidade, emprego e feminismo. 

Acho que é uma proposta super válida para quem quer, um livro empoderado sem perder o seu lado cômico e sexy.

Amor & Ódio Irresistíveis
Autor(a): Christina Lauren
Editora: Universo dos livros
Ano: 2018
Livro físico: 384 páginas
Compre na Amazon
Christina Lauren
Christina Hobbs e Lauren Billings, conhecidas pelo pseudônimo Christina Lauren, causaram grande impacto com a série Cretino irresistível. O livro de estreia entrou nas listas de best-sellers do USA Today e do The New York Times e, em sua primeira semana após o lançamento, alcançou as listas de mais vendidos do Brasil. A série, inclusive, teve seus direitos cinematográficos vendidos para uma produtora e as autoras têm sido responsáveis pela produção do roteiro. A dupla já publicou cerca de dezoito obras, que foram traduzidas para mais de trinta línguas – além de terem recebido o selo de excelência e o prêmio de Livro do Ano da RT Magazine.
Carol Lima
PUBLICADO POR

Adoro um bom drama, e costumo dizer que se eu não chorar em alguma parte do livro não valeu a pena. Costumo ler de tudo um pouco, porém tenho um fraco por romance.

Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As