Quinta do Terror: Jogos Macabros - R.L.Stine


“ _ Isso não é piada. - Sua voz era um sussurro rouco. _ Ela está morta.”
Sinopse: Tal como os outros títulos da coleção, a história se passa na velha cidade de Shadyside, nos EUA, conhecida por ser palco de acontecimentos misteriosos e aterrorizantes envolvendo os alunos da escola local. Todos na região conhecem a excêntrica e rica família Fear, e sabem também do passado terrível que os assombra. Apesar desses histórico nada promissor, Brendan Fear parece ser um garoto diferente de sua família. Gentil e simpático, o jovem vive rodeado de colegas e chama a atenção de Rachel Martin, uma garota simples, colega de classe dele. 
Quando o aniversário de Brendan está prestes a chegar, ele começa a planejar uma comemoração um tanto diferente na isolada ilha do Medo, onde existe um casarão de veraneio pertencente à família Fear. Rachel é uma das convidadas para passar o final de semana no local sombrio e, contrariando os avisos dos amigos, decide ir. No caminho, coisas estranhas já começam a acontecer e, ao chegarem à mansão, Brendan dá as coordenadas para o início de um jogo que se revelará o mais mortal de todos. Repleto de reviravoltas, Jogos macabros mantém o leitor apreensivo da primeira à última página. Como todo bom enredo de R. L. Stine, a história dá espaço a fantasmas, assassinato, traição e romance, e marca, enfim, um retorno triunfal do autor à Rua do medo.
Considerado o Stephen King da literatura juvenil.
O único jeito de vencer o jogo é ser o último a permanecer vivo...


Uma boa pedida para uma história de terror para o público juvenil. Mas, ainda dá medo...e muito. É um livro incrível e bem construído. Então, que comecem os jogos. 

A história é narrada pela primeira pessoa, a Rachel. É maravilhoso. Porque é muito interessante a narração é bem definida e clara a cada capítulo. 

Rachel é convidada para um festa de aniversário de Brendan Fear. Mas, todos na cidade sabe que a família dele tem um lado sombrio e assombroso. Brandon não é assim. Nada indica que ele tenha um lado obscuro. Mas, as aparências enganam, não é mesmo?! 

Rachel é avisada para não ir nessa festa, pela sua amiga e seu ex. Porém, ela está tão empolgada com convite que não liga para o aviso. Rachel gosta de Brendan. E talvez ele também, por quê será que ele a convidou? Já que ambos estão no ensino médio e estudam na mesma escola. Porém, eles não se falam muito. Isso fica na cabeça da Rachel, por quê ele a convidou. Antes da festa a Rachel encontra um rato morto em sua cama, ela acredita que quem fez isso, foi seu ex,Mac. Mal ela sabe que isso era um aviso de uma brincadeira de mau gosto. Ela vai para festa. Como fica em uma casa de veraneio dos Fear, eles tem que ir de barco. Já começa com brincadeira dos jovens, bem humorado, as piadinhas, os namoros...tudo. A cada capítulo tem uma frase no começo que se destaca no que estamos lendo. Por exemplo, “Sangue na água!” é quando o comandante do barco cai no lago e bate a cabeça. Já tem um pouco de medo. 

Quando todos chegam na casa, ainda preocupados com o comandante. Comem, bebem, dançam, se divertem. Até no momento em que o Brandon pede a atenção de todos para que ele possa começar um jogo. De caça ao tesouro. Cada tem um par específico, e tem uma lista para procurar os objetos espalhados pela casa. Adivinhem quem é o parceiro de Rachel…? Isso mesmo,Brandon. Eles se separam dos outros para procurar os tesouros escondidos. Rola um clima muito fofo no elevador. Awnnnn!!!!! Depois a Rachel se perde de Brandon. Ela o procura até que o encontra, na situação mais horrível. Ele está enforcado…..calma! É só um boneco. Mas, parece tão real. Depois eles escutam gritos vindo de um quarto. A cena que está lá, é a pior de todas, uma das convidadas está morta, totalmente contorcida. Isso deixa todos abalados. 

Todos voltam para baixo, e pensam que está acontecendo algo de errado. Que tem um assassino dentro da casa. Todos tem que ficar juntos. Tem um certo momento que todos saem da casa e ao redor só tem uma floresta. Procuram ir para o lago. Mas, tem coisas acontecendo também fora da casa. Todos retornam. E percebem que um dos convidados sumiu. A procura dele por um certo tempo. Ele está morto. No total são três mortos: uma menina e dois meninos. Não tem como ligar para polícia,porque a rede telefônica não funciona, nem a internet. Não há vizinhos. O máximo é o lago que é o meio de transporte, mas os empregados assustados que estava ocorrendo, levaram o barco.


      A floresta.

Se eu contar para vocês que tudo isso foi uma brincadeira de super de mau gosto, vocês acreditariam?! Tudo faz parte do jogo de Brandon. Ninguém morreu, ninguém se feriu. Tudo foi um jogo. Todos riem e outros brigam co Brandon. Mas, ficam bem. No entanto,se eu contar que o feitiço virou contra o feitiçeiro, vocês acreditariam? Dois homens chegam na casa com capuz no rosto. Eles forçam os convidados irem para o porão. Rachel e Brandon ficam na sala. Aquilo não era um jogo. Era um sequestro. 

Bem, acontece uma aventura e tanta com esses dois. Um dos caras, é o pai do Mac, o ex da Rachel. Ele também está lá. Rachel tenta fugir,mas é capturada. Ela sofre muito. Cai no buraco onde tem ossos humanos. Nossa! Querem saber se alguém realmente fica vivo nessa?! Leiam a história. Eu gostei do final, foi tenebroso. 

Esse autor também é da série Goosebumps, que já falei aqui no blog e também já fiz resenha de um dos livros. Fiquem à vontade para ler esse livro. Vocês vão rir e ter medo também. Até a próxima. 


Eu,lendo esse livro. Cada susto! 



Título: Jogos Macabros 
Autor: R.L.Stine 
Editora: Globo Alt 
Páginas: 280
Ano: 2016 
Onde comprar: Amazon 
Classificação: 5/5



Copyright © Pausa Para um Capítulo. Designed by Everton As