22 agosto 2017

[Resenha] O Sol também é uma estrela - Nicola Yoon

"Somos capazes de grandes vidas. De uma grande história. Por que aceitar menos? Por que escolher a coisa prática, a coisa corriqueira? Nós nascemos para sonhar e fazer as coisas com as quais sonhamos."


Título: O Sol também é uma estrela
Autor(a): Nicola Yoon
Capa comum: 288 páginas
Editora: Arqueiro (6 de março de 2017)
Idioma: Português
ISBN-10: 8580416582
ISBN-13: 978-8580416589
Compre na Amazon.
Sinopse: Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história.Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois.O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade? 

Oi gente. Eu nem sei por onde começar essa resenha, mais uma coisa eu posso dizer. Se não tinha como eu me apaixonar mais por Nicola Yoon, isso foi totalmente sanado com "O Sol também é uma estrela", com uma escrita simples e totalmente envolvente ela consegue te deixar apaixonado pela história e quem sabe acreditar em amor a primeira vista.


Nós vamos conhecer a a história de Natasha e Daniel. Ela uma imigrante ilegal Jamaicana e ele um coreano nascido nos EUA, muito sonhador que quer ser poeta e não médico como seus pais desejam. Já Natasha quer ser cientista, porém está no seu ultimo dia em NY antes de ser deportada.

A história de encontro e desencontros, vai acontecer toda em um único dia, quando Natasha está tentando pela ultima vez não ser deportada e Daniel indo para uma entrevista de universidade.
As coisas não acontecem por algum motivo. Simplesmente acontecem.

Além dos narradores habituais Nicola vai dar a voz ao destino, à guarda-de-segurança, ao passado e ao futuro. Para nos mostrar sobre preconceito, sobre buscar seus sonhos, consequências dos atos. Acima de tudo, nos mostra que você decide o seu destino e conta a sua própria história.
Quando nossos olhos se encontram, sindo uma espécie de déjà vu, mas, em vez de parecer que estou repetindo alguma coisa do passado, parece que experimento algo que vai acontecer no futuro.
Acho que nuca li um YA contemporâneo tão atual e apaixonante! Nicola sabe muito bem trabalhar a diversidade, isso é um dos pontos fortes da trama. Sem medo de ser julgada por colocar personagens fora do esteriótipos para protagonizar os seus livros.

Não quero me prolongar porque qualquer coisa a mais é um spoiler e tanto! Então vão ler e se apaixonar também por Natasha e Daniel e as reviravoltas que o destino pode dar.

P.s.: Fiquei apaixonada por essa ilustração do Vitor Martins .



P.s2.: Ai meu Deus! A Nicola é a propria Natasha e o David é o Daniel!!

Surtando com essa familia!






 








Sobre a Autora:  




Nicola Yoon é autora do best-seller Tudo e todas as coisas, cuja adaptação para o cinema estreia em 2017. Ela nasceu na Jamaica, cresceu no Brooklyn e mora em Los Angeles com a família. É uma romântica incurável que acredita ser possível se apaixonar num instante e que isso pode durar para sempre. O sol também é uma estrela é seu segundo livro. Ele foi considerado Melhor Livro do Ano por Publisher’s Weekly e Amazon e foi finalista do National Book Awards 2016.