17 março 2017

Sexta Geek: Universos Afins - Rainbow Rowell

Título:  Universos Afins (Kindred Spirits)   
Autora: Rainbow Rowell
Editora: Novo Século (2017)
Páginas: 94
Gênero: Literatura norte-americana fantástica
ISBN: 978-85-428-103-49
Livro na Amazon
Sinopse oficial:  Estar numa fila não é uma situação das mais agradáveis. Porém, para a jovem Elena, acampar na frente do cinema só para acompanhar a estreia do mais novo Star Wars é nada menos que uma grande jornada. O problema é que em dias de internet (e compras de ingressos on-line), essa vibe de fila não é compartilhada por muitos outros fãs. Ao chegar ao cinema, dias antes da estreia, só há mais duas pessoas ali acampadas: Gabe e Troy, que entendem a fila como um ritual obrigatório para tornar aquela experiência algo realmente memorável. Universos afins é um saboroso conto geek sobre expectativas e sobre compartilhar paixões. Rainbow Rowell mais uma vez apresenta uma obra inocente e engraçada, com aquela pontinha de nostalgia que nos deixa com um nó na garganta, como há muito tempo atrás, numa galáxia muito, muito distante.


Tenho que começar essa resenha admitindo ser bem FANGIRL da Rainbow Rowell. Os livros dela são puro amor e o conto Universos Afins não é diferente. O livro em inglês foi lançado em 2015, dias antes da estréia de O despertar da Força nos cinemas e sim, é um daqueles livros de fã para fã (não necessariamente só de Star Wars). Só quem é fã de alguma coisa vai entender a delicadeza e importância de um momento como aguardar um lançamento.



Elena é uma jovem de 18 anos, aparentemente de recesso de inverno no último ano do colégio e coloca na cabeça que precisa entrar em uma fila com outros fãs de Star Wars antes do lançamento do filme (mesmo tendo o ingresso comprado online), então ela se junta a dois outros fãs (sim, só dois outros) três dias antes e fica na fila. Dormindo na rua, na calçada do cinema, tendo que lidar com a mãe  super preocupada que passa toda hora de carro e odiadora do fandom, não podendo entrar na internet toda hora (afinal a bateria poderia acabar)... tudo faz parte da experiência e Elena quer passar por tudo isso! 

Star Wars sempre fez parte da vida dela devido ao pai, que a introduziu aos filmes. Ela até tinha um Chewbacca de pelúcia! Inclusive também tenho. #BeijoElena

É adorável reconhecer a escrita da Rainbow quando ela descreve os personagens jovens. É como voltar para a minha própria mente naquela época e rever pequenas conquistas e inseguranças. Eu descreveria a autora como alguém que gosta de escrever "gente como a gente". Você vai se achar em pelo menos alguém do trio principal: Elena, Troy ou Gabe. Universos é um recorte da vida dessas pessoas. São apenas quatro dias, mas um recorte que significa muito, e assim como na vida real, quem sabe não vai mudá-las e significar muito? As pequenas coisas importam, não?



Nesse conto você também vai ver MUITAS referências a Star Wars, mas não se preocupe se não for fã, tem notas de rodapé explicando tudinho! E apesar de ter previsto o final desde a página 42 (era a coisa mais engraçada a acontecer), foi um prazer ler esse livro. #RainbowILoveYou

Elena e Gabe por eklixio (tumblr)