24 dezembro 2016

[Resenha] Prometida - Carina Rissi

"Você não esta sonhando agora - sussurrei. - Receio estar. - Franzi a testa. - Temo que, assim que eu a tocar, vou acordar e você terá ido embora. "

 
Título: Prometida (Série Perdida 4#)
Autora: Carina Rissi
Editora: Verus
ISBN: 9788576864608
Ano: 2016
Páginas: 476

Sinopse: Elisa Clarke anda um pouco entediada. Seus dias parecem iguais e os bailes há muito deixaram de trazer algum prazer a ela. Não que seja uma surpresa, pois sempre que ela está presente os eventos se tornam um desastre! E é injusto, já que ela foi uma boa moça a vida toda. Nascida em uma das famílias mais influentes, a jovem aprendeu desde pequena a respeitar as normas sociais e se manter longe de escândalos. Na única vez em que ignorou uma dessas regras acabou noiva. E foi apenas um beijo, ora bolas!Um beijo com o qual Elisa fantasiou desde que conheceu e se apaixonou irrevogavelmente pelo belo e gentil jovem médico e que, como acontece nos contos de fadas, mudou sua vida para sempre. Mas não da maneira que ela esperava. Como consequência, agora está prometida a alguém que a despreza tanto que preferiu viver em outro continente. Tudo o que ela deseja é que as coisas permaneçam assim.Mas Elisa não sabe que seu noivo está a caminho do Brasil, e ela terá de enfrentar o homem cujo coração um dia se viu forçada a partir.Destinados a ficar juntos, mas separados por seus corações, eles se envolverão em uma sinuosa dança marcada por segredos, mágoas do passado, intrigas e uma arrebatadora paixão que colocará em perigo não apenas seus sentimentos, mas a vida de ambos.

 Resenha

Oi gente! Vocês devem está estranhando essas 3 estrelas aqui em cima não é?! Pois é, depois de tanta expectativa pelo 4 livro da série Perdida da querida Carina Rissi, finalmente li Prometida, mas posso falar?! Não achei lá essas coisas não, vou te contar porque.

As vezes venho me perguntando se algumas séries necessitam tanto ser tão longas, a pesar de uma leitura "Ok" de "Destinado", estava com uma expectativa lá em cima com esse, não vou dizer que o tombo foi feio, não foi, mas foi um outro livro "Ok", e fico me perguntando se essa formula do século XVIII não já deu o que tinha que dar? Eu ainda amo a Carina? Amo! Vou ler tudo dela? Vou! Mas sei lá, quero ver mais da Carina que vi recentemente em "Mentira Perfeita".

O livro tem muitos pontos positivos sim! Como toda a série, as personagens principais são muito fortes! E diferente do que vimos nos livros anteriores, em que Elisa era frágil, Carina fez uma Elisa em Prometida bem madura, segura de si em sem papas na língua (Em pleno século XVIII é muita coisa).

Fonte imagem: Colecionando Primaveras

A Trama começa 3 anos após os acontecimentos de "Destinado", que influenciaram negativamente no relacionamento entre Elisa e Lucas. Onde ele se viu forçado a pedir a mão da jovem em casamento depois que foram flagrados aos beijos por Ian. Ai tudo parece que foi ladeira abaixo entre os dois. Elisa sonha em ter tudo o que o irmão tem no relacionamento com Sofia, e não aceita muito bem esse casamento meio que "forçado".

O maior empecilho nesse relacionamento na verdade é o segredo de Sofia, que Elisa guarda com uma lealdade maior do que você pode imaginar. Deixando o noivo totalmente chateado, ao ponto de achar que ela ama outra pessoa. Quando ela tenta a todo o custo desfazer esse noivado, Lucas resolve que a "punição" por quebrar seu coração é ser infeliz no casamento deles (Oi?), vai em bora da cidade deixando Elisa em um noivado ridiculamente longo, sendo mal falada pela sociedade.
"Por muito tempo eu me senti vazia, incompleta e tão pequena quanto um grão de areia, tentando entender onde era o meu lugar neste mundo. Agora eu sabia. Não era feito de paredes nem tinha mobília, muito menos era um pontinho marcado no globo. Era onde eu me sentia segura e protegida, onde eu era aceita e amada da maneira que era." 
Quando ele volta 3 anos depois os dois se veem postos frente a frente para resolver as suas desavenças, acontece cada coisa que vou te contar! Eu tinha vontade de pegar a cara dele e esfregar no asfalto, de tanta burrada que ele fazia. Mas ela não ficava atrás não, eram coisas que você pensava, "Nossa, vai dar merda!", e dava das grandes.


Eu demorei um pouco a engrenar a leitura, confesso que as 200 primeiras páginas para mim foram bem cansativas em decorrência de muitos Flash Back dos primeiros livros, e eu acabei demorando para pegar o ritmo do livro, porém quando pegue foi tudo muito rápido e bem fluído.

A pesar de tudo foi uma leitura válida, e ela deixou no final um gancho para um próximo livro, dessa vez sobre Valentina. Confesso que a história dela me interessou, agora vamos ver o nos reserva. 



Participe também: