20 dezembro 2016

[Resenha]: O Erro - Elle Kennedy



Você é a última pessoa em que penso antes de ir dormir e a primeira em que penso quando abro os olhos de manhã. Pra mim só existe você, linda.”


Título: O Erro

Série: Amores Improváveis #2
Autor (a): Elle Kennedy
Editora: Paralela
Ano: 2016
Páginas: 279

Sinopse: Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angústias – a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório – tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace – nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas.


Resenha

Oi gente! sabe aquela ressaca literária infernal, que parece não terminar nunca? Pois é! Eu estava assim, foi quando eu resolvi ler "O Erro" da autora Elle Kennedy, segundo livro da série "Amores Improváveis", e posso dizer que não me arrependi nem um pouco. Agora quem ainda não leu "O Acordo" primeiro livro da série, aqui pode ter alguns spoilers. 



O Erro começa logo em sequencia ao final do primeiro livro, com Logan ainda muito apaixonado por Hanna, namorada do seu melhor amigo. Além de lindo, sedutor e um dos melhores jogadores do time de hóquei da faculdade ele resolve viver cada dia como se fosse o último, já que é meio impossível ter a mulher que "ama". Sem contar seus dias de alegria jogando hóquei estão contados.

Em um desses dias que resolve cair na farra para esquecer de tudo, Logam acaba caindo por engano no quarto de Grace, uma caloura tímida e reservada que ainda não aproveitou nada da sua recém - conquistada liberdade que veio junto com a faculdade. Agora o que fazer quando o cara mais lindo da Universidade aparece na sua porta, meio que sem querer? Ele acaba ficando e aproveitando a companhia dela (como aproveita). Em meio de muitos beijos e amassos, Logam sai muito satisfeitos com a noite, porém percebe que não conseguiu satisfazer a sua parceira em questão (se é que vocês me entendem), e acaba meio que com ego ferido e decide que vai mudar isso.
"Você estava olhando como se quisesse um beijo." Seus olhos azuis ficam semicerrados. "Então, estava pensando em fazer isso."

A pesar da química enorme entre eles, o romance não é um coisa que acontece imediatamento,  uma amizade foi criada e é tão cativante que você passa o livro todo cheio de risinhos bobos na cara. Logan começa a quebrar ás barreiras que Grace construiu ao seu redor, mas como ninguém é perfeito ele vai fazer muita burrada. E ela vai está lá muitas vezes para ajudá-lo a aceitar o passado e construir um novo futuro. E um sentimento que vai além da amizade começa a surgir entre eles, porém será um erro levar esse sentimento em frente?

Liberdade, hóquei e amigos. É, tudo isso está na lista.

Mas o item número um? Não preciso nem pensar.
Tenho que consertar as coisas com Grace.

A Ellen fez um história leve, com uma pitada de drama tudo no ponto certo, sempre falando de assuntos importantes como de jovens marcados pelas escolhas erradas de seus pais, insegurança, virgindade, alcoolismo e o que fazer sobre o seu futuro profissional. Livro sempre narrado em primeira pessoa, com capítulos intercalados entre Logan e Grace de forma leve e bem humorada que nos prende do começo ao fim.











Participe Também!